• STRATEGY BLOG
  • Site
  • Facebook
  • Linkedin
  • Google Plus
  • Youtube
  • Slideshare
  • Google Maps
  • Email

Liderança e o Processo de Mudança




Um dos maiores desafios do RH e dos executivos durante uma crise é lidar com as incertezas e evitar que elas contaminem os seus funcionários com pensamentos negativos. É imperativa a preparação das pessoas para atuar em ambientes de mudança, pois elas são quem realmente realizam as transformações nas empresas.

O papel da liderança neste cenário é um tema cada vez mais explorado nas organizações, porém ainda é um grande desafio. Isso acontece porque estamos lidando com o fator humano. Existem duas forças que atuam em nosso comportamento: a parte racional consciente e a parte emocional e inconsciente. Estes últimos são comportamentos cristalizados em uma organização e que viram rotina e acomodam as pessoas.

Para mudar esses comportamentos é necessário um processo de aprendizagem, no qual as pessoas devem ser conscientizadas sobre o que mudar, porque precisam mudar, para onde estão indo e como podem chegar lá. Dessa forma estarão muito mais propensos a aderir e serem os principais agentes de transformação.

O RH deve prover aos líderes ferramentas e insumos para que eles motivem os funcionários a responderem de forma efetiva às modificações do ambiente organizacional. Aspectos como comunicação, gerenciamento de conflitos, integração, liderança e iniciativa trazem à tona o fator emocional tornando-o racional a fim de facilitar o processo de mudança e mantê-lo de uma forma contínua, sendo fundamental para a sustentabilidade dos negócios.

Estamos acostumados a realizar várias tarefas de modo mecânico e isso impede o processo transformacional. Novos hábitos devem ser incentivados e repetidos até que sejam aprendidos e executados com o mínimo de esforço mental.

Gerir um projeto de mudança consiste em direcionar pessoas e conduzir ações, mas também saber ouvir a sua equipe, conhecer seus problemas operacionais, compartilhar informações e, sobretudo, propor alternativas.

Não existe solução mágica: o líder precisa difundir a sua visão, estabelecer metas, focar em resultados e inspirar seus seguidores.


                                                                            *Conteúdo produzido por Ângela Caruso.








15 comentários:

Anônimo disse...

Muito bom artigo Angela Caruso! Parabéns! Alec.

Adalberto Franzoni disse...

Maravilha, muito bom o artigo.

adriana disse...

Excelente artigo!

Mariana disse...

Ótimo texto! Transparência e diálogo são fundamentais em momentos de incerteza.

Cláudius Jordão disse...

Ótimo texto. Vem reforçar que, não havendo uma liderança engajada, dificilmente a transformação acontecerá.

Marcelo Freitas disse...

Muito bom Ângela Caruso, Boa síntese sobre a definição do que é o "novo" papel do RH dentro da empresa.
O RH deve ser sempre uma ferramenta voltada para desenvolvimento e envolvimento de gente dentro das diretrizes de uma empresa

Jorge Bassalo disse...

Parabéns pelo post Ângela. Reforço a necessidade do líder ser um dirigente que atue tanto nas questões organizacionais como humanas - elas não atuam isoladas.

Mirian Lascares disse...

Gostei muito do texto e concordo com a mensagem principal. Apenas acrescento que em momentos de crise e mudanças profundas, as Organizações deveriam repensar seus modelos de trabalho. Estamos na era do conhecimento e ainda utilizamos modelos arcaicos de gestão.

Vanusa Barbosa disse...

Ótimo texto Ângela! O líder tem um papel fundamental nos processos de mudança!

Unknown disse...

Excelente! Não existe mágica para um processo de transformação ter êxito, por isso é fundamental o direcionamento e engajamento da liderança.

Alessandra Sales disse...

Liderar não é impor,
Liderar é despertar nos outros a vontade de fazer!!!
Tem muita gente precisando entender isso!!!
Muito boa sua colocação!
Parabéns Angela!!!

Natalie Caruso disse...

Ótimo texto!! Adorei!!!

clarisse disse...

"...evitar que elas contaminem os seus funcionários com pensamentos negativos.." Ótima reflexão ! Parabéns

Fernando Barros de Sá disse...

Parabéns pelo texto. Gostei muito.

Marcelo disse...

Otimo texto. Liderar uma equipe sempre motivando.

Postar um comentário