• STRATEGY BLOG
  • Site
  • Facebook
  • Linkedin
  • Google Plus
  • Youtube
  • Slideshare
  • Google Maps
  • Email

Por que Gerenciar Mudanças?


No mundo globalizado, onde a velocidade da informação é avassaladora e as ideias e os projetos tendem a acompanhar o ritmo em prol do crescimento das corporações, cada vez mais as mudanças organizacionais nas empresas se apresentam com maior assiduidade. Essa frequência pode provocar situações complexas e simultâneas e, ainda, pode contar com tecnologias agregadas ao modelo de cada negocio.


São muitas as razões que provocam mudanças nas organizações, como fusões e aquisições, implementação de um novo sistema etc., e se não houver gestão dessas mudanças, corre-se o risco de cada inovação se perder por falta de diretriz. Por isso, os cenários devem ser adaptados de forma estruturada para lidar com as variações.

Para que todo planejamento não vá por água abaixo, é preciso que a organização se prepare para as mudanças internas, seja por motivos externos ou para o cumprimento das metas. Qualquer mudança, por menos que seja, pode mexer com a rotina e o lado psicológico das equipes. Nesse contexto, a participação dos executivos que compõem o alto escalão da empresa é fundamental e pode gerar uma energia mais produtiva entre os colaboradores bem como melhores resultados.

Quanto mais a direção da organização entender a real necessidade do envolvimento de todos, mais aumentam as chances de sucesso do trabalho da gestão da mudança em gerar uma transformação nas áreas, ajudando as equipes a alcançarem seus objetivos. Um líder não envolvido impacta diretamente no desempenho de todo o grupo.

Mas vale ressaltar que não é só o líder que deve estar disposto a orquestrar e participar desse processo. Todos os profissionais devem estar engajados e comprometidos para evitar possíveis prejuízos. O resultado pode ser visto no dia a dia com melhora do clima e com o empenho do trabalho entre as equipes.


*Conteúdo produzido por Jorge Bassalo.




3 comentários:

Jorge Bassalo disse...

Esse post nos leva a refletir sobre a importância da liderança nos processos de mudança. Será que o peso é assim tão significativo?

Vanusa Barbosa disse...

Texto muito bom para quem ainda está em dúvida em gerenciar mudanças ou não! Tratar os aspectos humanos em uma transição de qualquer de qualquer natureza otimiza os resultados esperados...

Cláudius Jordão disse...

Convivemos com mudanças constantes, porém na atualidade as organizações sofrem a pressão pela velocidade em se adaptar e transformar. Assim, é importante fazer a seguinte reflexão: como combinar a velocidade para que não haja perda de profundidade no processo de mudança?

Postar um comentário