• STRATEGY BLOG
  • Site
  • Facebook
  • Linkedin
  • Google Plus
  • Youtube
  • Slideshare
  • Google Maps
  • Email

Gestão de Mudanças Organizacionais (GMO) em Start Up*



Será que as empresas Start Up necessitam de GMO? Teoricamente não, pois, como iniciantes, podem definir e conseguir adesão a seus processos facilmente, uma vez que são formadas por pessoas que não sofreram influência histórica e ainda estão em processo de formar a cultura interna dessa organização.

Essa afirmação pode esconder uma grande armadilha. As pessoas que farão parte dessa nova empresa trazem culturas e formações oriundas de suas experiências anteriores que, se não forem bem avaliadas e equalizadas no momento da contratação, podem gerar esforço de mobilização maior que o esperado. Ter claramente quais competências são necessárias para o momento inicial de uma organização e um programa de treinamento adequado minimizam o risco.

Outros fatores também devem ser levados em consideração como por exemplo o porte que nasce uma Start Up, o segmento em que atua, grau de inovação e se há investidor externo. Todos esses itens, além de outros não citados, afetam como as pessoas se comportarão e formarão a cultura interna. Se a estratégia de crescimento for por aquisições, a situação se torna ainda mais complexa, pois as pessoas que estão na empresa absorvida terão de se adaptar a uma nova realidade e nem sempre possuem naturalmente a flexibilidade e resiliência para suportar a mudança, o que pode provocar perda de conhecimento e talentos.

Para não caírem em armadilhas, as Start Up precisam observar os aspectos de GMO desde o início, porém, devem contar com metodologias que sejam flexíveis para se moldarem às características inovadoras e ao ritmo frenético que o modelo de negócios exige, sem perder as suas características.

(*) Start Up - é um grupo de pessoas à procura de um modelo de negócios repetível e escalável, trabalhando em condições de extrema incerteza.


 *Conteúdo produzido por Cláudius Jordão.








3 comentários:

Angela Caruso disse...

Verdade! Cultura não é algo fácil de se mudar. Quando o comportamento das pessoas é cuidado desde o início de vida de uma empresa, estabelecendo transparência nas decisões, fica mais fácil alcançar os objetivos.

Giovanna Stamato disse...

Num cenário de tamanhas incertezas, as estratégias iniciais precisam ser monitoradas e reavaliadas de tempos em tempos, exigindo decisões rápidas e, as vezes, grandes mudanças. O perfil das pessoas envolvidas numa Start Up é tão determinante para o seu sucesso, quanto gerenciar tais mudanças de maneira adequada.

Jorge Bassalo disse...

Concordo com o Cláudius quando afirma e defende que empresas tipo Start Up necessitam de GMO, pois mesmo com a necessidade de mostrar resultado a curto prazo, essas iniciantes organizações devem tratar os aspectos humanos dos envolvidos com o cuidado merecido. Eis uma das principais garantias de sucesso para se tornar uma grande ideia num projeto exitoso.

Postar um comentário